O que eu detesto

Recentemente lancei um post no face com a seguinte pergunta: o que vocês acham que eu detesto? Tratava-se de uma TAG, a convite do meu querido Marcelo do blog Patriamarga, e muitos opinaram. Cada resposta suscitava em mim uma exclamação muito íntima do tipo “nossa, isso realmente é péssimo!”. Entretanto, mais do que enumerar sentimentos e atitudes capazes de despertar o ódio em alguém, a exposição me trouxe um questionamento crucial: é saudável carregar tanto de tudo isso dentro de si?

Detestar      Odiar          Desgostar

Aversão      Inimizade    Repulsão

Psicopatia

1)    Hipocrisia

“O amor está mais perto do ódio do que a gente geralmente supõe. São o verso e o reverso da mesma moeda de paixão.” (Érico Veríssimo)

2)    Mi mi mi

 “Hate is a train
That thunders aimless through my head.” (Metallica – Hate train)

3)    Barata

“Não odeies o teu inimigo, porque se o fazes, és de algum modo o seu escravo. O teu ódio nunca será melhor do que a tua paz.” (Jorge Luís Borges)

4)    Aranhas

“With such confusions
Don’t it make you wanna scream?” (Michael Jackson – Scream)

5)    Vida sem vida

“Lost inside my sick head
I live for you, but I’m not alive
Take my hands before I kill
I still love you, I still burn.” (Alice in chains – Love, Hate, Love)

6)    Música ruim

“O ódio pega como planta que se rega, mas no peito que navega a pessoa fica cega.” (Tom Zé)

7)    Monotonia

“O ódio é o prazer mais duradouro; os homens amam com pressa, mas odeiam com calma.”(Lord Byron)

8)    Cobrança

 “I like to tear things down than build them up, It’s easier that way.” ( The Offspring – Cool to hate)

9)    Desamor

“O olhar de quem odeia é mais penetrante do que o olhar do que o olhar de quem ama.”(Leonardo da Vinci)

10)           Erros de português

“Um pouco de desprezo economiza bastante ódio.” (Jules Renard)

11)           Mentira

 “Qualquer amor já é um pouquinho de saúde, um descanso da loucura.” (Guimarães Rosa)

12)           Gente fake que alardeia verdades absolutas

“Não levo ninguém a sério o bastante para odiá-lo.” (Paulo Francis)

13)           Falsidade

“Nada une tão fortemente como o ódio – nem o amor, nem a amizade, nem a admiração” (Tchekhov)

14)           Mau humor

“Creio no riso e nas lágrimas como antídotos contra o ódio e o terror” (Charles Chaplin)

15)           Falta de esforço

“There’s a thin line between love and hate
Wider divide that you can see between good and bad” (Iron Maiden – The thin line between love and hate)

16)           O óbvio

“We can make this hate stop
Now don’t you want to rise up?” (Jamiroquai – Give hate a chance)

17)           Gente negativa

“O que não faz parte de nós não nos perturba.” (Herman Hesse)

18)           Ingratidão

“Quanto menos é o coração, mais ódio carrega” (Victor Hugo)

19)           Gente chata

“Não há nada mais tenaz que um bom ódio” (Machado de Assis)

De tudo que foi citado, nem as baratas e aranhas eu consigo odiar, pois o pavor que tenho delas é tão gritante que não correria o risco de causar nelas nenhum ideal de vingança contra mim, ao oferecer a elas emoções tão negativistas. Claro que ingratidão, mimimi, falsidade, hipocrisia, viver por viver, tudo isso incomoda demais. Cobrança exagerada então me faz querer fazer as malas e partir, e erros crassos de português doem como estaca alojada no coração.

Mas…definitivamente…ódio..detestar…nada disso cabe por aqui.

“Não vá dizer que estou ficando louco
só porque não consigo odiar ninguém.”
(Engenheiros do Havaí)

 

3 comentários sobre “O que eu detesto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s