A promessa da primavera

Em cada vida, há uma primavera. Mas ela ainda está por vir.

Hoje a terra ainda é fria, o ar nos arrepia e faz buscar abrigo. Mas o Sol aumenta sua força a cada dia e logo mais seus raios morosos reinarão em plenitude.

As trevas que nimbam as noites se descortinarão para a luz até ontem inconquistável, fazendo com que a vida desperte desse sono de inverno.

Hoje é o primeiro dia em que a criança começa a crescer desenfreadamente dentro de cada um, com exalação do novo.

Hoje se carrega o poder de transformar esperança em veracidade, pensamentos mortiços em escombros do passado somente.

É tempo de ressurgir, renovar.

É tempo de varrer, lavar e purificar.

A partir de hoje estejamos atentos às inspirações, já com as gavetas internas limpas, após a reclusão que o inverno caucionou.

É o hoje de ocupar os espaços vazios com o que vem no seu tempo, no tempo que vier.

É tempo de dizer: te esperarei, Primavera, e quando chegar, fique o tempo que puder.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s